Frescor

Entrar em contato com o frescor da vida e saborear o momento presente…
Caminhar no nosso jeito, “nosso charme, nossa loucura” diria Deleuze; aquele jeitinho só nosso!
Nos acoplar sempre ao ritmo da canção que traduz a própria canção da vida, musicalidade sagrada.
Saltar sinergicamente juntos, bem dentro desse momento e brincar de viver incorporando o movimento uns dos outros, desfrutando de cada presença, AGORA.
Essse é o nosso desafio…
Então, ao nos comunicarmos afetivamente através dos nossos mínimos gestos…
E, ao respirarmos cada presença brotaria o reconhecimento e a reverência àquele que nos confere identidade: O “outro”. Figura tão esquecida na cultura patológica do “eu”…
E, numa relação compacta, ser uma presença suave e amorosa na vida,  que transborda em  encontros transcendentes de nós mesmos para gerar harmonia, afeto e respeito pelo ser humano.

Leila Maria Augusta de Almeida.

separacao

Anúncios

No comments yet»

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: